Este espaço é para si! Envie-nos a sua notícia: mscmail.fotorali@gmail.com

sexta-feira, 17 de julho de 2015

GARAGEM AURORA COM BALANÇO MEIO POSITIVO EM VILA REAL

Foi por pouco que a Garagem Aurora não fez um resultado em pleno no circuito de Vila Real. Participando no Campeonato Nacional de Clássicos, dando assistência ao Porsche 911 RSR de João Macedo e Silva e ao Toyota Carina E de Carlos Barbosa, que participou com este carro pela primeira vez.
No Campeonato Nacional de Clássicos, João Macedo e Silva surgia como um dos favoritos à vitória nas duas corridas, embora se soubesse de antemão que iria ser uma tarefa difícil, pois a lista de inscritos continha todos os principais adversários do piloto do Porto. Mesmo assim João Macedo e Silva esmerou-se, e faria na sessão de treinos a quarta melhor marca com 2.17.588, o que lhe deu uma posição na segunda fila da grelha.
Estando consciente das dificuldades que o aguardavam, João Macedo e Silva cedo verificou que não tinha carro para se chegar ao Porsche 930 Turbo de Luis Barros, mas a verdade é que depois se envolveu numa interessante luta com o Ford Escort de Joaquim Jorge, conseguindo chegar ao final da corrida na terceira posição. 
Mas para a segunda corrida, João Macedo e Silva e o Porsche 911 RSR acabariam por desistir, isso fruto de problemas mecânicos. Sobre a prova de João Macedo e Silva; Eduardo Santos Júnior descreveu o que se passou “ foi um fim de semana cujo balanço final foi, digamos meio positivo; isso porque a primeira corrida para o João Macedo e Silva foi qualquer coisa, nunca baixou braços, sempre a lutar com o Ford Escort do Joaquim Jorge, e toda a gente viu a corrida que fez. Depois na segunda corrida, seria obrigado a desistir de forma inglória, pois um toque com o Volkswagen do José Castro, levaria o Porsche com o impacto a partir-se a tampa do autoblocante, e com isso nada mais restava do que desistir, o que foi pena”.
Mas a verdade é que a Garagem Aurora também marcou presença noutra competição, neste caso na Legends Cup, na estreia de Carlos Barbosa ao volante do Toyota Carina E, na qual Eduardo Santos Júnior disse-nos logo “ não houve tempo para testar, mesmo assim o Carlos Barbosa esteve excelente, fez as duas corridas mostrando a sua evolução ao volante do carro japonês, tendo acabado as duas corridas no nono e décimo lugar da geral, o que no meu ponto de vista foi excelente”.

CLASSIFICAÇÃO FINAL

CAMPEONATO NACIONAL DE CLÁSSICOS

1ª Corrida
1º Luis Barros – Porsche 930 Turbo
2º Joaquim Jorge – Ford EScort
3º JOÃO MACEDO E SILVA – PORSCHE 911 RSR

2ª Corrida 
Desistência

LEGENDS CUP

1ª Corrida 
1º Manuel Barros – Ford Sierra ES 500
2º Vasco Barros – Mercedes 190 DTM
3º João Novo – Ford Sierra RS 500
4º João Sousa – Peugeot 306
9ºCARLOS BARBOSA – TOYOTA CARINA E

2ª Corrida
1º Vasco Barros – Mercedes 190 DTM
2º Manuel Barros – Ford Sierra RS 500
3º João Novo – Ford Sierra RS 500
4º João Sousa – Peugeot 306
10 CARLOS BARBOSA – TOYOTA CARINA E

Sem comentários:

Enviar um comentário