Este espaço é para si! Envie-nos a sua notícia: mscmail.fotorali@gmail.com

domingo, 6 de março de 2016

WRC: LATVALA FOI IMBATÍVEL NO MÉXICO (ACTUALIZADA)

O piloto finlandês Jari-Matti Latvala (VW) conquistou no México a sua 16.ª vitória no Mundial de Ralis e a primeira esta época, depois de um início de Campeonato onde quer no Ralis de Monte-Carlo quer na Suécia não somou qualquer ponto.
Aproveitando a sua posição de estrada (8º), Latvala liderou a prova mexicana desde a 4.ª especial e ao longo da mesma foi aumentando gradualmente a sua vantagem para Sebastien Ogier (VW), que a excepção do ultimo dia de prova foi o "varredor" de serviço da 3.ª prova pontuável da temporada.
Ogier que foi novamente o mais rápido na Power Stage, realizou uma excelente operação "matemática" no continente norte-americano, tendo aumentado para 38 pontos a diferença para o segundo classificado do Mundial, que agora está nas mãos de Mads Østberg (Ford).
Aproveitando o despiste de Andreas Mikkelsen (VW) e de Thierry Neuville (Hyundai), o piloto da M-Sport que durante a prova não muito feliz na escolha de pneus quedou-se na quarta posição a quase dois minutos de Dani Sordo. O piloto espanhol que apesar de um toque foi autor de uma prova muito regular, queixou-se de sobretudo da eficácia dos travões e do motor do Hyundai i20 WRC new generation que lhe chegou a causar alguns dissabores. 
Quinto da geral e já muito longe do seu companheiro da Hyundai, esperava-se algo mais de Hayden Paddon sobretudo num tipo de piso que já demonstrou ser bastante competitivo. Numa prova que serviu essencialmente para o desenvolvimento dos pneus DMACK em pisos de terra, Ott Tänak (Ford) foi um discreto 6.º da geral, onde a par de Ogier e Ostberg é o único piloto a ter terminado todas as provas da temporada nos lugares pontuáveis.
De regresso ao Mundual, Martin Prokop (Ford) voltou a ser o melhor piloto privado, diante de Lorenzo Bertelli (Ford) que obteve o seu melhor resultado no WRC.
Temmu Suninen foi rei e senhor na WRC-2 tendo terminado com mais de 20 minutos sobre o Peugeot 208 T16 do jovem polaco Hubert Ptaszek. Valeriy Gorban num MINI JCW WRC fechou os lugares pontuáveis.

*por Carlos da Silva / Ralis Online

ACTUALIZAÇÃO: Devido à utilização de um pneu a mais do que o permitido pelos regulamentos, Dani Sordo viria a sofrer uma penalização já após o final da prova, pelo que Mads Ostberg ascende ao terceiro posto da classificação final.

Sem comentários:

Enviar um comentário