Este espaço é para si! Envie-nos a sua notícia: mscmail.fotorali@gmail.com

domingo, 3 de março de 2013

ERC - QUEM PODERÁ VIR AO SATA RALLYE AÇORES 2013?


Faltam menos de dois meses para a realização de mais um SATA Rallye Açores, desta vez, integrado no novo formato do European Rally Championship. A edição de 2013 terá quatro troços com transmissão directa no canal Eurosport e na RTP Açores, com a dupla passagem nos troços de Sete Cidades e Tronqueira.
Com o itinerário ainda desconhecido e a abertura das inscrições marcada para o próximo dia 18 de Março  com fecho no dia 10 de Abril  já são conhecidos alguns pilotos estrangeiros que estão interessados em disputar o evento açoriano.

Mark Wallenwein, o actual campeão alemão, vai dar inicio à sua temporada do ERC 2013, no próximo SATA Rallye Açores que se realiza de 25 a 27 de Abril.
O alemão espera disputar seis eventos do ERC, ao volante do habitual Skoda Fabia S2000 mas, o seu programa para além do evento açoriano, continua por anunciar.
Mark Walleinwein: "Quero dar o próximo salto da minha carreira e o ERC dá-me essa oportunidade. Vou de certeza estar em quatro eventos mas, gostaríamos de fazer mais. Não tenho a experiência de lutar pelos pódios mas, se eu ficar no top 8 nos Açores, ficarei contente e claro, a cobertura televisiva em directo, vai ser muito importante para os meus patrocinadores e parceiros."

A equipa francesa PH Sport poderá ser uma hipótese no rali açoriano pois, Robert Kubica está a um passo de assinar com os franceses, para disputar a temporada ao volante de um Citroën DS3 RRC que terá o selector da caixa de velocidades, adaptado ao piloto polaco.
Yves Matton: "Por enquanto ainda estamos em negociações. Espero saber alguma coisa no inicio da próxima semana mas, o plano será que o Robert Kubica comece nas Canárias."

Para ter hipóteses de obter o título no ERC este ano, Kubica necessita de participar em 8 dos 11 eventos que restam do campeonato.
Enquanto os detalhes do calendário do piloto polaco não serão conhecidos antes do anuncio oficial da Citroën, que se espera ser nos próximos dias, é quase certo que Kubica esteja presente nas Canárias ou nos Açores e no Rally Poland que se realiza em Setembro.

Da República checa, esperam-se pelo menos 3 a 4 pilotos. A Skoda Motorsport e Jan Kopecký vão às Canárias, não estando ainda confirmado se virão aos Açores mas, Antonin Tlust'ák e o jovem Jan Cerný (ambos em Skoda Fabia S2000), são uma forte possibilidade, bem como, Jaroslav Orsák num Mitsubishi Lancer Evo IX.

Através da Peugeot Sport, a equipa francesa Saintéloc estará pelo menos com 3 carros à partida no Açores.Craig Breen e Jeremi Ancian estarão ambos ao volante de dois Peugeot 207 S2000 Evo e Stéphane Lefebvre, com um Peugeot 208 R2 que tão boa conta deu de si na Letónia, ao se estrear em pisos de neve. Por outro lado,Jean-Mathieu Leandri é quase uma certeza no rali, também ele ao volante de um Peugeot 207 S2000.

Com licença desportiva da Roménia, os italianos Marco Tempestini e o seu filho Simone Tempestini já confirmaram a sua presença. Se por um lado, Marco vai efectuar a sua segunda participação consecutiva nos Açores, o seu filho Simone vai ser pela primeira vez, estando ambos ao volante de dois Subaru Impreza STI R4.
Também com licença desportiva romena, François Delecour não vai às Canárias, sendo quase provável, a sua presença em São Miguel e o seu piloto protegido, o romeno Bogdan Barbu, poderá estar ao volante de um Peugeot 208 R2.
Edwin Keleti confirmou ao ralis.online que estará presente nos Açores, com o Mitsubishi Lancer Evo X, sendo o quinto elemento com licença desportiva da Roménia.

Da Hungria, Janos Puskádi coloca o SATA Rallye como hipótese, ao volante do Skoda Fabia S2000 e se tal acontecer, Zoltán Bessenyey deverá acompanha-lo com um Honda Civic R3. Por outro lado, Frigyes Turántambém é uma hipótese no SATA, com um Subaru Imreza STI R4, tal como o ucraniano Vitaly Pushkar com um Mitsubishi Lancer Evo X.

Nas duas rodas motrizes, poderão aparecer outro leque de pilotos, como por exemplo o esloveno Rok Turk com um Citroën C2 R2 Max, o italiano Elwis Chentre num Skoda Fabia R2, o austríaco Hannes Danzinger num Renault Clio R3, ou ainda o húgaro Kornél Lukács num Citroën C2 R2 Max.

Como hipótese remota, Jari Ketomaa deverá efectuar mais eventos no ERC mas, sobre o SATA Rallye nada se sabe, tal como Giandomenico Basso e Luca Rossetti que continuam a tentar reunir apoios para disputar o ERC 2013.
A RTP Açores também avançou com a notícia do Grupo Desportivo Comercial querer trazer aos Açores, um ex-campeão do mundo. Os nomes adiantados como hipótese, foram os de Petter Solberg, Marcus Grönholm e Tommi Mäkkinen. No entanto, Solberg vai estar envolvido em 2013 no European Rallycross Championship e o SATA Rally coincide com uma prova desse campeonato. Grönholm prometeu à família que ia colocar um ponto final na sua carreira, após ter recuperado do acidente durante os X-Games 2012, ficando Tommi Makkinen como a hipótese mais certa mas, também o finlandês nunca mais competiu, tendo-se dedicado apenas à construção e preparação dos seus Subaru.
(fonte: RALLYAZORES)

Sem comentários:

Enviar um comentário