Este espaço é para si! Envie-nos a sua notícia: mscmail.fotorali@gmail.com

segunda-feira, 22 de maio de 2017

PEDRO RODRIGUES COM REGRESSO EM CHEIO NO RALI DE PORTUGAL

Pedro Rodrigues e Daniel Araújo venceram a classificação do Grupo N do Rali de Portugal, naquele que foi o regresso (esporádico) da dupla do Subaru Impreza à competição. Piloto de Famalicão voltou a sentir as emoções da prova portuguesa do Campeonato do Mundo.

Para quem estava afastado da competição desde o Rali de Portugal do ano passado, Pedro Rodrigues teve uma performance muito positiva nesta edição da prova lusa do WRC. Ao volante do Subaru Impreza STi, o piloto famalicense concentrou-se em contrariar a dureza dos quatro dias de competição, passando por alguns dos troços mais difíceis mas também mais emblemáticos em solo nacional, chegando ao final como vencedor do Grupo N e como 4º melhor português em termos absolutos (só atrás de três modernos R5).
“De uma forma geral correu muito bem e cumprimos os objetivos”, afirmou Pedro Rodrigues já na espetacular cerimónia do pódio, em frente à praia de Matosinhos. “Na sexta-feira andámos com o carro desalinhado devido a uns parafusos que se soltaram e depois furámos na especial de Viana do Castelo 2. No sábado, com o carro alinhado, começámos a fazer tempos mais competitivos e esperámos pela classificativa de Amarante para forçar o andamento. Gosto de atacar nos troços mais longos e nessa especial (de 37,5 kms, ndr) conseguimos ganhar vantagem sobre os adversários. Depois no último troço de sábado parámos para ajudar o Hiroki Arai, que tinha o carro a arder no percurso. Fomos os primeiros a chegar lá”, referiu o piloto português.
“No domingo entrámos sobretudo para nos divertirmos. O primeiro troço de Fafe foi logo neutralizado devido ao acidente (de Quentin Gilbert, ndr) mas na segunda passagem tentámos mesmo desfrutar daquele local tão especial para os ralis em Portugal. Toda a prova é inesquecível para qualquer piloto, não só devido aos troços mas também por causa do público que vibra imenso e que nos apoia em todos os troços. Com um Grupo N era difícil fazer melhor mas tenho de agradecer aos nossos patrocinadores e a todas as pessoas que nos apoiam. Pode ser que para o ano possamos fazer mais ralis”, concluiu o piloto apoiado pela PR Motors, PURMAQ, Malafaia, Atlas Viagens. Autocompra e Venda, AMCO, Incrivelauto, Jofex e Desnatrans.

Sem comentários:

Enviar um comentário