Este espaço é para si! Envie-nos a sua notícia: mscmail.fotorali@gmail.com

quarta-feira, 9 de julho de 2014

RALI DE PORTUGAL DE REGRESSO ÀS ORIGENS EM 2015

Após dez edições consecutivas realizadas no Algarve e no Baixo Alentejo, o Vodafone Rally de Portugal irá rumar ao norte do País como prova pontuável para o Campeonato do Mundo de Ralis 2015.

Organizado como prova candidata em 2005 e 2006, o Rally de Portugal viria a recuperar o estatuto WRC na edição seguinte, afirmando-se ao longo dos anos pela qualidade do traçado, pela excelência da organização e pelo cumprimento rigoroso das exigentes normas de segurança impostas pela FIA, a ponto de se ter tornado uma referência para os restantes ralis do campeonato.
O apoio proporcionado à prova pelas autarquias do Algarve e Baixo Alentejo envolvidas no itinerário do rally – Almodôvar, Faro, Loulé, Ourique, São Brás de Alportel, Silves e Tavira –, pela Região de Turismo do Algarve e pelo Parque das Cidades, entidade proprietária do Estádio Algarve, constituiu um pilar importante para o êxito do Vodafone Rally de Portugal.
O centro nevrálgico da edição de 2015 do WRC Vodafone Rally de Portugal, integrando o posto de comando, o parque de assistência e o parque fechado, estará localizado nas instalações da Exponor, na cidade de Matosinhos.
De acordo com o figurino-tipo das provas WRC, o Vodafone Rally de Portugal 2015 será uma prova tão compacta quanto possível, com um percurso traçado integralmente na região a norte do rio Douro.
No sentido de garantir as melhores condições possíveis para a recuperação das estradas previstas para a realização de provas de classificação do Rally de Portugal 2015, o Automóvel Club de Portugal solicitou à FIA e ao Promotor do campeonato o deslocamento da data de realização do evento para o mês de junho.
Contando com o imprescindível apoio dos seus principais patrocinadores – Vodafone, Turismo de Portugal e BP – a prova beneficiará do expresso envolvimento das autarquias de Amarante, Baião, Caminha, Fafe, Guimarães, Lousada, Matosinhos, Mondim de Basto, Ponte de Lima, Valongo, Viana do Castelo e Vieira do Minho no arranque de uma nova etapa na história de sucesso do Vodafone Rally de Portugal.
No momento em que se abre uma nova página na história da prova, importa referir o contributo relevante dos espetadores para a imagem atual do Vodafone Rally de Portugal.
Respeitando as indicações de segurança e colaborando ativamente com os organizadores no controlo do público menos conhecedor, os aficionados de todo o país presentes nas classificativas do sul do País constituíram-se como um elemento central na imagem de segurança da prova portuguesa pontuável para o campeonato mundial de ralis e como um exemplo para os espetadores que, em 2015, seguirão a prova nos troços do norte de Portugal.
O ACP pretende acima de tudo manter o Vodafone Rally de Portugal no Campeonato do Mundo de Ralis. Se é no norte ou sul do País, depende única e exclusivamente do comportamento e apoio do público em termos de segurança da prova.
*Comunicado ACP

Sem comentários:

Enviar um comentário