Este espaço é para si! Envie-nos a sua notícia: mscmail.fotorali@gmail.com

quarta-feira, 4 de junho de 2014

ADEMAR PEREIRA TRAVADO DE NOVO PELA MECÂNICA

Não está a ser um início de temporada fácil para a Recirosa Competições. Depois de uma jornada repleta de problemas em Mação, a formação de Viana do Castelo deslocou-se a Lousada para a segunda prova do Campeonato Nacional de Rallicross, mas os problemas mecânicos voltaram a ser determinantes para um desfecho antecipado na participação da equipa.

Ademar Pereira partia para Lousada ao volante do seu Renault Clio Williams inserido na classe “Super Nacional”, esperançado que os problemas mecânicos não voltassem a surgir para poder fazer finalmente uma prova despreocupada e na qual pudesse rodar o melhor que sabe. Mas desde logo no decorrer dos treinos livres essas pretensões iriam ficar irremediavelmente abaladas. Como nos conta o piloto vianense “depois dos problemas de caixa de velocidades que tivemos em Mação, optamos por montar uma caixa de crabots no Clio, já que a outra não ficou em condições. O problema é que esta caixa, que estavamos a estrear em Lousada depois de ter sido totalmente reconstruída, vinha com um defeito que impedia que as velocidades se segurassem. Claro que não tive outra solução a não ser conduzir apenas com a mão esquerda, tentando segurar a alavanca das velocidades com a outra mão, dificuldade que afectou desde logo o andamento e a capacidade para segurar o carro.”

Ainda assim, o piloto tentou levar o carro sem contratempos até ao final. No entanto, o problema com a caixa foi-se agravando e no início de domingo “percebi que estava a perder valvolina e abandono foi inevitável” resume o piloto adiantando que “foi uma desilusão bastante grande já que continuamos sem conseguir realizar uma prova sem precalços que nos permita uma comparação mais fiel do nosso andamento com os adversários.”
Apesar de tudo, a equipa quer ultrapassar a fase dos azares e já prepara a próxima prova em Castelo Branco nos dias 14 e 15 de Junho. “Temos duas semanas para pôr tudo em ordem. O Carro revelou-se desta vez sem qualquer problema, temos apenas que trocar a caixa de velocidades. Assim, teremos também mais tempo para preparar a próxima corrida. Queremos fazer um teste mais alongado com o carro para verificar se tudo está em ordem para podermos ir a Castelo Branco  confiantes numa boa prestação” conclui Ademar Pereira.
A equipa reforça mais uma vez o importante apoio de todos os patrocinadores, endereçando-lhes um forte agradecimento, que é também extensível a todos os Orgãos de Comunicação Social que tem sido incansáveis na promoção da modalidade.

Sem comentários:

Enviar um comentário