Este espaço é para si! Envie-nos a sua notícia: mscmail.fotorali@gmail.com

quarta-feira, 19 de junho de 2013

VOLKSWAGEN SUGERE E FIA CONGELA WRC'S?

A Volkswagen Motorsport avançou com a hipotese de congelar de imediato o desenvolvimento do Polo R WRC. A ideia do construtor alemão passa por manter o Campeonato do Mundo competitivo e interessante e pondera parar o desenvolvimento do seu WRC de modo a motivar a presença no campeonato por parte de outros construtores.
O final da presente temporada marca o fim de um ciclo de homologações nos World Rally Cars e o desenvolvimento de novos carros para 2014 poderia ser o factor decisivo para a saída de equipas como a M-Sport ou a Citroen do Mundial devido aos elevados custos. Desta forma, a Volkswagen sugere que a FIA mantenha nos regulamentos as presentes especificações técnicas dos carros mesmo se isso poderá por em causa o próprio desempenho da equipa, já que o Polo é ainda um carro em inicio de desenvolvimento.
Jost Capito, manager da equipa afirma que "será melhor para o futuro do campeonato manter um interessante número de inscritos e para que tal aconteça, o melhor é manter os regulamentos e correr na próxima época com os carros actuais."
Embora a Volkswagen tenha já começado a trabalhar na evolução do Polo R WRC, o novo carro não será visto antes de 2015. "É justo que coloquemos algum do nosso potencial ao serviço deste desporto para que todos possamos tornar o Campeonato do Mundo mais competitivo e atrativo", conclui Capito.
Do lado da M-Sport, Malcom Wilson mostra-se bastante agradado com a ideia "Sabemos que poderemos ser muito competitivos na próxima época sem precisar de investir milhões. Jamais conseguiriamos homologar um novo carro sem a presença oficial da Ford enquanto construtor. Estou muito satisfeito com a proposta da Volkswagen e tanto eu como o Yves [Matton, director da Citroen Sport] só nos podemos congratular com a proposta, apoiando-a de imediato".
Do lado da FIA, a medida terá já sido bem aceite e a mesma pode vir a ser oficializada muito em breve.

Sem comentários:

Enviar um comentário