Este espaço é para si! Envie-nos a sua notícia: mscmail.fotorali@gmail.com

sábado, 21 de setembro de 2013

RALI DE MORTÁGUA: MOURA VENCE E ADIA TÍTULO

Aos comandos de um Skoda Fabia S2000, Ricardo Moura e António Costa venceram o Rali de Mortágua, penúltima prova do Campeonato de Portugal de Ralis. Com esta vitória, a dupla ascende ao comando do campeonato adiando para o Algarve a decisão do título.

Depois de um domínio inaugural na Super Especial, Bernardo Sousa e Hugo Magalhães pareciam bem encaminhados para resolver as contas do campeonato a seu favor. No entanto, o piloto do Peugeot 207 S2000 não evitava logo na segunda classificativa da prova um aparatoso despiste deixando a dupla fora de prova. Piloto e Navegador ainda foram transportados ao hospital para exames de prevenção, mas ambos teriam alta sem que tivesse sido diagnosticada alguma mazela de maior.
Com o abandono de Sousa, era Ricardo Moura quem assumia o comando da prova. O piloto dos Açores imprimiu um andamento muito forte vencendo 5 das 6 classificativas previstas para o dia de hoje. Com este desempenho, Moura construiu uma confortável vantagem que lhe permitiu dosear o andamento no ultimo troço e garantir a vitória.
Na segunda posição ficou Adruzilo Lopes. Provando que quem sabe nunca esquece, o piloto do Subaru esteve mais uma vez em grande nível intrometendo-se no pódio com um carro teoricamente inferior aos Super 2000 deixando Pedro Meireles e Mário Castro no ultimo lugar do pódio. 
Para Meireles, o rali começou de forma atribulada com um pião na fase inicial da prova a comprometer o resultado final. O piloto de Guimarães tudo tentou para minimizar o tempo perdido tendo inclusive vencido a Power Stage. Com a pontuação obtida em Mortágua, Meireles vai ao Algarve também com hipoteses de ser campeão, juntamente com Moura e Bernardo Sousa.
João Barros e Jorge Henriques terminaram na 4ª posição da geral sendo a dupla mais rápida no CPR2L / 2RM. Entre as 2 rodas motrizes, a prova começou por ser dominada pelo jovem Diogo Gago a impressionar ao volante de um Peugeot 208 R2, ficando João Barros a uma curta desvantagem. Porem, para Gago o azar voltaria a bater à porta quando uma ligeira saída de estrada o colocou fora de prova.
Bruno Magalhães, em estreia ao volante do Peugeot 208 R2 da Inside Motor, fechou o pódio entre os 2 rodas motrizes. Com esta vitória, e dada a ausência de Ricardo Marques, João Barros tem praticamente garantido o título de campeão bastando-lhe amealhar 5 pontos na ultima ronda.
Destaque para o título de Miguel Barbosa no Grupo N, numa prova em que esteve discreto nos tempos mas bastante activo na condução espetacular ao longo dos troços.
No Regional Centro, depois de dominar grande parte da prova, Ricardo Teodósio via-se forçado a desistir na ultima classificativa com problemas mecânicos. Quem beneficiou com este abandono foi Raul Aguiar que volta a vencer em Mortágua. Também no Regional Centro, João Soares obteve o segundo lugar da geral conquistando assim o título das 2 rodas motrizes nesta competição.
O Campeonato de Portugal de Ralis segue agora para Sul com o Rali Casinos do Algarve a encerrar a época a 9 de Novembro.

Sem comentários:

Enviar um comentário