Este espaço é para si! Envie-nos a sua notícia: mscmail.fotorali@gmail.com

terça-feira, 10 de setembro de 2013

ALEXANDRE FRANCO GARANTE VICE-CAMPEONATO T2

Alexandre e Rui Franco com a Nissan Navarra da Scuderia Goldentrans/DURA Automotive Systems foram os segundos classificados na Categoria T2 na Baja TT Proença-Oleiros, garantido virtualmente o vice-campeonato no Campeonato de Portugal de Todo-o-Terreno.

A dupla alenquerense partia apostado em conquistar a primeira vitória na sua primeira temporada completa no campeonato e durante toda a prova fez jogo igual com os líderes do campeonato.
Alexandre Franco começou por reconhecer que “foi uma prova muito disputada. Talvez tenha sido a mais disputada desde o início do campeonato para nós. No sábado, ficámos a cerca de um segundo do primeiro classificado da categoria na Super Especial. Na repetição da mesma e porque julgávamos que seria mais vantajoso sair atrás, gerimos o andamento e ficámos a apenas um segundo do líder após as duas super especiais”.
O equilíbrio era a tónica dominante na Categoria T2 e esta acabaria mesmo por ser a grande luta da Baja TT Proença-Oleiros, com Alexandre e Rui Franco a partirem confiantes que chegaria a primeira vitória na temporada.
“No domingo a prova foi excelente. Andámos sempre com um forte desde o começo, mas no primeiro sector enganámo-nos numa bifurcação e isso custou-nos cerca de dois minutos, com a diferença no final do primeiro sector a cifrar-se em pouco mais que essa diferença. No segundo sector selectivo atacámos e ao fim de cinquenta quilómetros já rodávamos no pó do Edgar Condenso, acabando a diferença no final dos 300 kms de prova por ficar em pouco mais de meio minuto”, continuou o piloto da Scuderia Goldenstrans/DURA Automotive Systems.
Naquela que é primeira temporada a tempo inteiro para a dupla de Alenquer, Alexandre Franco destacou que “com o resultado nesta prova, garantimos já o Vice-Campeonato na Categoria T2 e coloca-nos ainda no sexto posto no campeonato absoluto, o que é extremamente motivador para todos os que estão envolvidos neste projecto, uma vez que a classe T1 está ao rubro, com mais de dez viaturas de topo. Colocarmos a nossa Navarra T2 no ‘meio deles’ é excelente. Quanto ao T2 ainda não damos a luta do título por terminada, mas sabemos agora que as contas estão mais complicadas, mas não impossíveis”, contou ainda o piloto que ajudou a Prolama a conquistar a quarta dobradinha na presente temporada.
O Campeonato de Portugal de Todo-o-Terreno regressa já dentro de três semanas, com a realização da Baja de Idanha-a-nova, que irá para a estrada nos dias 27 e 28 de Setembro.

Sem comentários:

Enviar um comentário