Este espaço é para si! Envie-nos a sua notícia: mscmail.fotorali@gmail.com

segunda-feira, 2 de março de 2015

FERNANDO TEOTÓNIO FOI SEGUNDO EM PENELA

Acabou por ser uma estreia muito positiva do Mitsubishi EVO VII da dupla Fernando Teotónio e Luís Morgadinho na primeira prova do Campeonato FPAK Ralis Centro, o Rally Dueça Penela/Mirando do Corvo.

Centrados em sobretudo fazer a melhor adaptação possível à nova máquina, a dupla do Fundão entrou bem na prova, registando o 4º melhor crono (2º no campeonato) na super especial em piso de terra disputada sábado à noite.
No domingo, as condições climatéricas não ajudaram em nada as equipas e o muito nevoeiro acabou por ser um forte adversário para todos. Logo na primeira especial, uma zona bastante enlameada pregou alguns sustos a várias equipas, inclusive à dupla do EVO VII, que ainda deu um toque lateral mas prosseguindo em prova.
Como nos refere o piloto “partimos para o rali centrados em conhecer sobretudo o carro. O EVO VII é bastante mais competitivo que o nosso antigo EVO VI e há muitas situações totalmente novas para nós que só rodando e fazendo quilómetros com o carro conseguiremos explorar todas as potencialidades do mesmo.

Logo na primeira especial demos um toque na lateral e a carroçaria ficou a roçar no pneu, mas apesar de rodarmos com algumas cautelas fizemos um “bom tempo” na especial.
Ao longo da prova conseguimos melhorar muitos os nossos tempos nas especiais, conseguimos também com a nossa equipa técnica da Domingos Sport Competição melhorar muito o carro e o resultado final no primeiro rali que disputamos com o carro, acaba por ser muito produtivo.
No momento temos muito ainda por explorar no carro, vamos efetuar mais alguns testes brevemente para nas próximas provas estar num nível ainda mais competitivo”.
Fernando Teotónio e Luís Morgadinho terminaram assim após as apenas quatro especiais de classificação realizadas (duas foram anuladas devido ao mau estado do piso) na segunda posição do Campeonato FPAK Ralis Centro, terceiro em termos de classificação absoluto.

Sem comentários:

Enviar um comentário