Este espaço é para si! Envie-nos a sua notícia: mscmail.fotorali@gmail.com

quarta-feira, 6 de setembro de 2017

CHALLENGE DS3 R1: VIANA DO CASTELO PODE DEFINIR O TÍTULO

O Challenge DS3 R1 regressa em 2017 a Viana do Castelo, para um dos ralis mais animados desta competição, numa prova que poderá já definir o campeão.

Diogo Soares / Luís Rodrigues estão imparáveis no Challenge DS3 R1 em 2017. Em quatro provas venceram as quatro e, por isso, são obviamente os principais favoritos a novo triunfo no Rali de Viana do Castelo, que a acontecer lhes dará a renovação do título nesta competição. Porém, Miguel J. Barbosa, Ricardo Sousa e Hugo Lopes estão cada vez mais próximo de Diogo Soares, pelo que quererão certamente alcançar a vitória no Rali Viana do Castelo, prova que estará na estrada dias 8 e 9 de setembro.
Para Victor Calisto, responsável pelo Challenge DS3 R1, o Rali de Viana do Castelo “é sempre uma prova imprevisível pelo que tudo pode acontecer. O domínio do Diogo Soares tem sido evidente, mas também tem sido evidente que todos os seus adversários estão mais rápidos de prova para prova, pelo que a oportunidade deles também está para chegar. Por certo que vai ser uma grande prova”.

O QUE DIZEM OS PROTAGONISTAS

Depois de quatro vitórias, Diogo Soares chega a Viana do Castelo com francas possibilidades de conquistar novamente o título no Challenge DS3 R1 e pretende fechar já, se possível, essas contas. “Como desde o primeiro rali do ano, os nossos objetivos para Viana serão tentar rodar nos lugares da frente e lutar pela vitória. Teremos que nos adaptar ao Citroen novamente, depois do Vinho Madeira de R2, mas esperamos fazer um bom rali e tentar fechar já as contas para o título”, afirma Diogo Soares.
Miguel J. Barbosa não se quer comprometer com a vitória em Viana do Castelo, mas o piloto de Famalicão diz que “vamos entrar neste rali como entramos nos anteriores. Como sempre vamos dar o nosso melhor tentando alcançar o melhor resultado possível”.
Para Ricardo Sousa, que corre pela terceira vez em Viana do Castelo, este poderá ser finalmente o seu rali. Contudo, o piloto diz que “o objetivo para Viana passa por tentar rodar no ritmo que conseguimos alcançar em Aguiar da Beira. A estratégia será tentar impor um ritmo forte desde o primeiro quilómetro de modo a que possamos estar na luta pelos lugares da frente”.
Hugo Lopes tem feito uma excelente evolução nesta temporada, com exibições mais rápidas e consistentes, apesar de alguns azares. O piloto de Viseu diz que “as ambições passam por lutar pelos primeiros lugares, depois de duas desistências já não é possível lutar por um bom lugar no campeonato, mas agora o objetivo é preparar o próximo ano e tentar lutar pelas vitórias nas provas. Vamos fazer o nosso melhor”.
Sérgio Brás vai continuar o seu processo de evolução, pelo que para Viana do Castelo o piloto refere que “para esta prova os objetivos são continuar a evoluir fazer quilómetros com o objetivo de tentar chagar o mais acima possível na classificação tentando imprimir um andamento em crescendo, sempre com o pensamento em terminar a prova nesta que é a minha quarta participação”.
O Rali de Viana do Castelo estará na estrada nos próximos dias 8 e 9 de setembro.

Sem comentários:

Enviar um comentário