Este espaço é para si! Envie-nos a sua notícia: mscmail.fotorali@gmail.com

domingo, 24 de agosto de 2014

SURPRESAS E REVIRAVOLTAS DÃO PRIMEIRA VITÓRIA A NEUVILLE E À HYUNDAI

foto Best-Of-RallyLive
Contrariando todas as previsões, a ultima etapa do Rali da Alemanha foi pródiga em surpresas. Com quase 1 minuto de vantagem, Jari-Matti Latvala parecia ter o rali e a vitória controlada, bastando ao finlandês concluir as 4 classificativas do ultimo dia sem cometer deslizes. Mas quis o destino que a história deste Rali da Alemanha tivesse mais um capítulo.

foto Best-Of-RallyLive
Logo no troço de abertura do dia, Latvala não evitou uma saída de estrada que deixou o Volkswagen Polo "fora de combate" e consequentemente, o finlandês viu uma vitória quase certa passar-lhe ao lado. Desta forma, Kris Meeke passava a ser o líder da prova com pouco mais de 8 segundos de vantagem para o agora 2º classificado Thierry Neuville. Com a curta diferença entre ambos e com apenas mais 3 troços para disputar, Meeke acabaria por ceder à pressão logo no troço seguinte, dando um toque com o seu Citroen DS3 que colocava imediatamente o britânico fora de prova. Estava consumada a segunda troca de líder do dia, com Neuville a comandar a prova, seguido pelo seu colega de equipa Dani Sordo.
Com apenas mais duas classificativas, disputadas sem surpresa, a classificação do rali ficava decidida e Thierry Neuville sagrava-se vencedor do rali, oferecendo à Hyundai o seu primeiro triunfo na história do Mundial, naquela que foi também a primeira vitória do jovem piloto belga no WRC, 1 ano depois de quase ter vencido este mesmo rali.
foto Best-Of-RallyLive
A dobradinha da Hyundai ficou completa com o segundo lugar de Dani Sordo que apenas precisou de controlar os cerca de 40 segundos de vantagem para Andreas Mikelsen para dar ao construtor coreano um resultado perfeito na prova alemã.
Andreas Mikelsen acabou por ser o melhor representante da Volkswagen ao averbar o 3º lugar final, num rali que continua a ser de azar para as cores do construtor.
foto Best-Of-RallyLive
A 4ª posição ficou na posse de Elfyn Evans, o melhor representante da M-Sport, que conquistou ainda a vitória na Power Stage, suplantando Neuville e também o seu chefe de fila Mikko Hirvonen, este a terminar o rali na 5ª posição final.
Mads Ostberg, o melhor representante da Citroen, não foi além do 6º posto, seguido por Martin Prokop, Denis Kuipers e pelo vencedor da WRC 2, o sueco Pontus Tidemand.
Tidemand era segundo na classe à entrada para o ultimo troço atrás de Ott Tanak, mas um forcing final permitiu ao piloto do Ford Fiesta R5 suplantar o piloto da Estónia.
Na WRC 3, Stephane Lefebvre foi o vencedor, batendo Christian Riedemann e Quentin Giordano, resultado que valeu ao piloto francês a vitória também na JWRC. Na Drive D-Mack Cup Tom Cave foi o mais rápido, seguido de Sander Parn e Ghislain de Mevius.
Clique na imagem para aceder às classificações completas

Sem comentários:

Enviar um comentário