Este espaço é para si! Envie-nos a sua notícia: mscmail.fotorali@gmail.com

sábado, 20 de fevereiro de 2016

MOISÉS TEIXEIRA: "VOU APOSTAR NO CAMPEONATO REGIONAL NORTE"

No ano de estreia no Campeonato FPAK de Ralis Norte ao volante de um Peugeot 206 GTI, Moisés Teixeira, de Braga alcançou em 2015 o terceiro lugar no Grupo P1 (duas rodas motrizes). Em 2016 vai manter a aposta no mesmo carro e correr nos ralis que considera mais atractivos na região Norte.

"O ano de 2015 foi de estreia mas permitiu-me experienciar quase tudo o que os ralis oferecem: a emoção da contagem decrescente antes de começar cada classificativa, a adrenalina da velocidade nos ralis de asfalto, o constante desafio que cada curva coloca num rali de terra, o desalento de um despiste, a tristeza de um abandono por motivos mecânicos, a satisfação pelos aplausos do público, a felicidade de um 1º lugar do pódio a fechar a época, e acima de tudo a realização pessoal de ter concretizado o meu projecto com o bónus de um 3º lugar no Grupo P1-2 do Campeonato FPAK de Ralis Norte", declarou o piloto de 34 anos.
No meio de tanta satisfação, Moisés Teixeira guarda como melhor momento da época o Rali Serras de Fafe sublinhando que o seu primeiro rali "a sério" foi no "palco dos sonhos" numa sexta feira 13 com passagem pelo Confurco e pelos saltos da Lameirinha. Pelo contrário, lamenta a desistência no Rali de Baião no final da primeira classificativa por motivos mecânicos.
Em 2016 vai manter a aposta no Peugeot 206 GTi e tem em vista a realização dos ralis que considera mais atractivos na região Norte: "Como o Campeonato FPAK se alargou a nível nacional, embora possa ser interessante para muitos pilotos, fez-me repensar a minha estratégia pelos custos que envolveria estar em provas mais distantes da minha zona de residência. Assim vou apostar em ralis de vários campeonatos", explicou.
Questionado sobre as ambições enquanto piloto, mostrou sonhar alto: "Se o Euromilhões se decidir a vir para estes lados podem contar com o Moisés Teixeira num WRC. Entretanto vou promover o meu projecto e dar visibilidade aos meus patrocinadores. Vou procurando mostrar o que é ser um piloto de ralis e, através da minha experiência, posso até ajudar outros a acreditar que podem alimentar o sonho de um dia estarem também com o volante nas mãos", disse o piloto bracarense.
Em relação às provas mais atraentes afirma que o Rali Serras de Fafe "tem potencial para ser o melhor rali de Portugal". Em terra, refere que o Rali de Baião "tem também excelentes troços e configura-se mais atraente para quem não está no Campeonato Nacional pela visibilidade que dá andar nos lugares da frente".
Por fim, lamenta o fim do Rali de Guimarães, mas no que diz respeito aos ralis de asfalto elogia os ralis de Famalicão e de Viana do Castelo. "Vou apostar no Campeonato Regional Norte em 2016 procurando estar presente no maior número de provas que o orçamento permitir. Como prova extra e pela espetacularidade do rali vou fazer os possíveis para estar presente no Rali Serras de Fafe que dará início ao Campeonato Nacional de Ralis 2016", acrescentou.

*fonte NORTE SEMANÁRIO

Sem comentários:

Enviar um comentário