Este espaço é para si! Envie-nos a sua notícia: mscmail.fotorali@gmail.com

sábado, 14 de fevereiro de 2015

RALI DA SUÉCIA: CONTINUAM AS SURPRESAS EM RALI EMOCIONANTE

O segundo dia do Rali da Suécia foi novamente um dia emocionante de acompanhar. Tal como se previa, a luta pela liderança foi discutida troço a troço numa competitividade que o Mundial de Ralis já não via há muito tempo.
Partindo do quarto lugar, Sebastien Ogier iniciou o dia ao ataque, e em apenas dois troços o piloto francês subiu de quarto para segundo da geral. Por seu lado, Ostberg sofria um toque que o levava a cair para o quarto lugar, enquanto Andreas Mikkelsen continuava a comandar por uma distância muito curta, depois de ter também ele dado um toque na pec 12.
Com o ritmo dos homens da frente a ser muito elevado, o risco de toques e saídas de estrada também aumentava a seria inevitável que os deslizes aparecessem. Andreas Mikkelsen e Jari-Matti Latvala seriam desta vez as vítimas e se para o piloto finlandês a perda não foi significativa já que o resultado final ficou comprometido ainda na primeira etapa, para Mikkelsen o prejuízo foi grande com a sua liderança de mais de 27 segundos a ficar reduzida a 1,7 segundos. Mais atrás, Mads Ostberg mantinha a quarta posição sendo Ott Tanak o quinto e Hayden Paddon a colocar o seu Hyundai no sexto posto.
A segunda metade da etapa começou com um Thierry Neuville "endiabrado". O piloto da Hyundai "voou" nos pouco mais de 18 quilómetros de Fredriksberg 2, recuperando o segundo lugar para Sebastien Ogier e aproximando-se da liderança, agora com 8,7 segundos de atraso. Por seu lado, Ogier perdia alguns segundos para Mikkelsen queixando-se das condições do troço.
As duas classificativas seguintes não iriam assistir a nenhuma surpresa. Kris Meeke e Robert Kubica repartiam as vitórias enquanto na frente Neuville e Ogier encurtavam mais umas décimas para Mikkelsen.
A derradeira especial do dia iria marcar nova reviravolta. Thierry Neuville atacou muito forte nos 24,63 quilómetros da segunda passagem por Vargåsen e de forma categórica ascendia à liderança da prova com 1,5 segundos de vantagem sobre Andreas Mikkelsen. Por seu lado, Sebastien Ogier concluía o dia no terceiro lugar a 9,6 segundos do belga deixando a decisão da vitória para as 3 classificativas que irão compor o ultimo dia de prova.
Nas posições seguintes, tudo permaneceu igual com Ostberg a cotar-se como o melhor Citroen, no 4º lugar, Ott Tanak a levar o seu Ford Fiesta WRC à posição seguinte e Hayden Paddon a encerrar o top 6.
Na WRC 2 Jari Ketomaa continua líder na frente de Eyvind Brynildsen e de Frederik Ahlin, um pódio monopolizado pelos Ford Fiesta R5 enquanto Valery Gorban, no Mini JCW RRC caiu para o 4º lugar.
A terceira e última etapa do Rali da Suécia é composta por apenas 3 classificativas num total de pouco mais de 30 quilómetros, nos quais se vai decidir o vencedor. Os tempos online podem ser acompanhados aqui.

Sem comentários:

Enviar um comentário