Este espaço é para si! Envie-nos a sua notícia: mscmail.fotorali@gmail.com

domingo, 28 de julho de 2013

DIOGO GAGO AZARADO EM FRANÇA (ACTUALIZADO)

foto DIOGO GAGO - FACEBOOK
Diogo Gago e Jorge Carvalho não foram felizes no Rally Terre de l’Auxerrois, quarta prova da 208 Rally Cup, abandonando na quinta especial da prova francesa quando estavam na luta por um lugar no pódio.

Nesta que era a terceira prova em pisos de terra da competição, a dupla portuguesa esperava traduzir em andamento a maior experiência com o Peugeot 208 R2 neste tipo de piso, começando a prova disputada na região de Auxerre da melhor forma.
 “Os nossos principais adversários no troféu tem realizado várias provas nacionais com o Peugeot 208 R2 e sabíamos que esse factor iria jogar contra nós. Ainda assim, na véspera da prova efectuamos um pequeno teste com o nosso 208 R2 e tudo correu bem, o que nos deu mais alguma confiança para o rali”, começou por dizer Diogo Gago.
O piloto algarvio contou ainda que “esta era a terceira prova de terra do troféu e queríamos aproveitar para andar rápido. Após as primeiras três especiais estávamos no terceiro lugar e as diferenças para a concorrência também começavam a ser menores.
Quando chegámos á assistência estávamos satisfeitos com o nosso lugar e queríamos continuar assim, mas no quinto troço acabámos por não ter a sorte pelo nosso lado. Numa zona muito rápida com passagem de asfalto para terra, não nos apercebemos de um furo lento e quando fizemos a curva seguinte á direita, a traseira passou-se completamente e batemos nuns fartos de palha que nos levaram a capotar, terminando abruptamente a nossa prova”.
O jovem piloto algarvio que conta com os apoios de Axa Seguros, Automóvel Clube de Portugal e QF-Lda dizia-nos que este “não era o final que queríamos, mas provamos que mesmo com menor conhecimento do carro é possível lutar pelos primeiros lugares no troféu tão competitivo como a 208 Rally Cup e é isso que temos que retirar de positivo desta prova.
Apesar deste final, esta prova voltou a ser muito importante para a nossa evolução, pois a exigência e o ritmo são muito altos, obrigando-nos sempre a dar o nosso melhor.
Agora vamos pensar já na próxima prova e procurar prepará-la da melhor forma possível.”
A 208 Rally Cup prossegue nos dias 6,7 e 8 de Setembro, com a realização do Rallye du Mont Blanc.
O Rally Terre de l'Auxerrois teve em Stephane Lefebvre o vencedor da competição monomarca, que herdou a liderança na ultima especial do rali após o abandono de Matthieu Margaillan devido a uma saída de estrada. Quanto à geral a vitória sorriu a Jean-Marie Cuoq, ao volante de um Citroen C4 WRC.

Sem comentários:

Enviar um comentário