Este espaço é para si! Envie-nos a sua notícia: mscmail.fotorali@gmail.com

domingo, 22 de agosto de 2010

Rali da Alemanha - Armindo Araujo vitorioso.

Armindo Araújo conquistou nova vitória no PWRC ao ser o mais rápido dos Grupo N no Rali da Alemanha. O piloto português foi o grande dominador instalando-se no comando desde o inicio da prova o que lhe permitiu amealhar uma confortável vantagem sobre o seu mais directo rival, Hayden Paddon. Com este resultado, Armindo Araújo reforça a liderança no Mundial de Produção agora com 83 pontos, mais 18 que o segundo classificado no campeonato, o sueco Patrik Flodin.
O outro piloto português em prova, Nuno Barroso Pereira, a cumprir a sua segunda participação fora do país, fez um rali cauteloso, mas com tempos a permitirem classificar-se no 8º lugar. No entanto, uma penalização de 10 minutos na segunda etapa, atrasaram bastante o piloto, que nunca baixou os braços tendo recuperado até ao 9º lugar final do agrupamento de produção.

Bernardo Sousa "sobrevive"
Bernardo Sousa conseguiu terminar o Rali da Alemanha, numa prova em que os problemas mecânicos da primeira etapa influenciaram todo o rali. O piloto madeirense ainda no primeiro dia ficou sem direcção assistido no seu Ford Fiesta sendo forçado a efectuar dois troços nestas condições, algo que se revelou um verdadeiro problema já que no final do dia o piloto se confessava totalmente exausto.
Na segunda etapa, já com o carro em condições, Bernardo Sousa conseguiu ainda rodar dentro dos 6 primeiros da SWRC, mas as mazelas físicas fizeram-se notar ao ponto do piloto não evitar um toque no ultimo troço do dia (com 48 kms) sendo forçado ao abandono. No entanto, a equipa conseguiu recuperar o carro e retomar a prova através do SupeRally terminando no 7º lugar dos Super 2000 e obtendo 6 pontos para o campeonato. A vitória foi para Patrick Sandell, seguido por Martin Prokop. Per Gunnar Andersson foi o grande azarado do rali, que depois de ter dominado grande parte da prova, viu uma jante partir no ultimo dia, afastando-o de uma mais que merecida vitória.

Sebastien Loeb cada vez mais líder
Sem surpresa, Sebastien Loeb superiorizou-se desde inicio vencendo pela oitava vez na Alemanha.  Dani Sordo, em estreia com Diego Vallejo a navegador, esteve sempre em bom plano efectuando tempos próximos do seu chefe de fila, sem no entanto, ameaçar a liderança. O segundo lugar final é um merecido prémio para a excelente prova efectuada. A completar o pódio, outro Citroen, o de Sebastien Ogier. O jovem piloto começou discreto mas foi subindo o ritmo e ganhando confiança nas especiais alemãs, trepando lugares na classificação final. Destaque para o melhor representante da Ford, Jari-Matti Latvala, a terminar no 4º posto, e para Petter Solberg que, depois de um furo no primeiro troço do rali o ter afundado na classificação, fez um rali de "raiva" vencendo ainda algumas pecs. O 5º lugar final não reflecte o seu excelente andamento ao longo de toda a prova.
Pela negativa, as desistências de Mikko Hirvonen, com problemas mecânicos, e de François Duval que capotou o seu Ford Focus neste seu regresso ao Mundial.
No Junior WRC, a vitória sorriu a Hans Weijs Jr, seguido por Aaron Nikolai Burkart e Karl Kruda.
O Campeonato do Mundo de Ralis regressa ao activo no Japão de 9 a 12 de Setembro.

Sem comentários:

Enviar um comentário