Este espaço é para si! Envie-nos a sua notícia: mscmail.fotorali@gmail.com

domingo, 4 de agosto de 2013

GIANDOMENICO VENCE PELA 4ª VEZ NA MADEIRA

foto Lúcio Freitas - madeira-ralis.com
Se o ultimo dia do Rali Vinho da Madeira não trouxe novidades quanto à classificação geral, já o mesmo não se pode dizer da competitividade. Giandomenico Basso conseguiu triunfar na ilha mas teve que se aplicar para resistir aos fortes ataques de Bruno Magalhães.
foto Ivan Roxo - madeira-ralis.com
Com efeito, das 6 classificativas que compunham a etapa, o italiano apenas venceria a primeira do dia. Depois disso, Bruno Magalhães passou ao ataque vencendo todas as restantes pec's e encurtando a sua desvantagem troço após troço deixando pairar no ar a incerteza quanto ao vencedor do rali. No entanto, Basso fez-se valer de toda a sua mestria e de um Peugeot 207 eficazmente afinado para segurar a vitória na prova, a quarta da sua carreira.
Bruno Magalhães terminava assim num conformado 2º posto da geral a somente 7,3 segundos do vencedor tornando-se com este resultado o primeiro vencedor da Taça de Ouro ficando a ideia que o resultado à geral poderia ter sido outro caso o piloto de Lisboa não fosse vitima de um furo ainda na fase inicial do rali.
foto Ivan Roxo - madeira-ralis.com
A 3ª posição ficou na posse do melhor madeirense em prova. Sem argumentos para acompanhar os homens da frente, Miguel Nunes levou o seu Mitsubishi Lancer Evo X a um excelente resultado final tendo o piloto que se aguentar das fortes investidas de Pedro Meireles que terminou na 4ª posição a 11,7 segundos de Nunes.
foto Lúcio Freitas - madeira-ralis.com
Luca Betti terminou no 5º lugar não tendo sido um piloto brilhante. Aos comandos de um competitivo Ford Fiesta S2000, Betti rodou sempre de forma segura na 5ª posição e se essa classificação nunca esteve ameaçada por Filipe Freitas, 6º classificado, o facto é que o italiano nunca mostrou argumentos para tentar subir na classificação.
Luis Serrado foi o melhor nas 2 rodas motrizes ao colocar o seu Peugeot 206 1600 no 8º lugar da geral, atrás do Mitsubishi de Filipe Pires, este a terminar com alguns problemas devido a sobreaquecimento.

Sem comentários:

Enviar um comentário